Ferramentas básicas utilizadas no Linux

Essa é a lista dos comando que eu utilizo no dia-a-dia para trabalhar com Linux e BSD. Se eu sentir a necessidade, posso criar um post específico para tratar somente sobre um comando ou o comando de um aplicativo.

Essa lista vai crescer à medida que eu for aprendendo novos comandos/aplicativos e suas funções.


whoami – Mostra em qual usuário você está logado.

arthu-linux / # whoami
root

sudo – Executar comando com permissões de outros usuário.

arthu-linux ~ $ sudo -u joca ifconfig

-u  -> Estou especificando que quero utilizar as permissões do usuário joca;

Vou executar o comando ifconfig com as permissões do usuário joca.


tail – Mostrar as últimas partes de um arquivo.

arthu@arthu-linux ~ $ tail -f /var/log/syslog

-f  -> Mostra as últimas linha adicionadas ao arquivo em tempo real.

O comando tail serve para mostrar as últimas partes de um arquivo. Por padrão ele exibe as últimas 10 linhas.

Fazendo teste eu percebi que ele não serve para você acompanhar arquivos normais como um arquivo.txt.


ps – informações sobre os processos

arthu@arthu-linux ~ $ ps aux

aux   Mostra todos os processo executando no computador.

Mostra informações sobre os processos que estão executando na máquina. Diferente do top, ele não recarrega as informações da tela.


killall – Matar todos os processos com um determinado  nome.

arthu@arthu-linux ~ $ killall nome_do_processo

cat –  Exibir o conteúdo de um documento sem precisar abri-lo.

arthu@arthu-linux ~ $ cat php.ini

grep – Filtrar resultados

arthu@arthu-linux ~ $ cat php.ini | grep -n error_log

-n  -> Vai mostrar a linha do comento onde ele encontrou o padrão especificado
error_log  -> É o texto pelo qual estou filtrando a saída do comando CAT.


cp – Copiar arquivos

arthu@arthu-linux ~ $ cp /home/arthu/Downloads/foto-gatinho.jpg /home/arthu/Imagens/

-rf  -> Caso acontece algum erro você pode usar esses parâmetros para forçar a cópia (f) recursivamente (r).


tree – Mostrar a estrutura do diretório em árvore

arthu@arthu-linux ~ $ tree -a

-a  -> Todos os arquivos são impressos. Por padrão, a árvore não imprime arquivos ocultos (aqueles que começam com um ponto . )


cp e vm – renomear arquivo

arthu@arthu-linux ~ # cp teste.html teste.php

cp  -> O que na realidade você está fazendo é gerar uma cópia do arquivo com um nome diferente.

arthu@arthu-linux ~ # mv teste.html teste.php

mv -> Ele criará o novo arquivo teste.php e excluirá o teste.html


scp – Copiar arquivos para um diretório remoto

arthu@arthu-linux ~ # scp -r /home/arthu/teste root@192.168.1.3:/var/www/html/

-r  -> Especificando recursividade na cópia. Ele vai copiar todos os arquivos contidos na pasta de origem.

/home/arthu/teste  -> Pasta/arquivo de origem.

:/var/www/html     -> Pasta de destino


Informações sobre Distribuição e Kernel

arthu@arthu-linux ~ $ cat /etc/*-release
DISTRIB_ID=LinuxMint
DISTRIB_RELEASE=19
DISTRIB_CODENAME=tara
DISTRIB_DESCRIPTION="Linux Mint 19 Tara"
NAME="Linux Mint"
VERSION="19 (Tara)"
ID=linuxmint
ID_LIKE=ubuntu
PRETTY_NAME="Linux Mint 19"
VERSION_ID="19"
HOME_URL="https://www.linuxmint.com/"
SUPPORT_URL="https://forums.ubuntu.com/"
BUG_REPORT_URL="http://linuxmint-troubleshooting-guide.readthedocs.io/en/latest/"
PRIVACY_POLICY_URL="https://www.linuxmint.com/"
VERSION_CODENAME=tara
UBUNTU_CODENAME=bionic

 

arthu@arthu-linux ~ $ uname -a
Linux arthu-linux 4.15.0-33-generic #36-Ubuntu SMP Wed Aug 15 16:00:05 UTC 2018 x86_64 x86_64 x86_64 GNU/Linux
arthu@arthu-linux ~ $ cat /proc/version
Linux version 4.15.0-33-generic (buildd@lcy01-amd64-024) (gcc version 7.3.0 (Ubuntu 7.3.0-16ubuntu3)) #36-Ubuntu SMP Wed Aug 15 16:00:05 UTC 2018

dmidecode – Mostrar a informações sobre o hardware e software da máquina

arthu@arthu-linux ~ $ dmidecode -t 1

-t  -> Este parâmetro especifica um filtro por type, o número seguinte é argumento do type que você quer ver. Para mais informações de tipos veja o manual do aplicativo.

 


history – Exibe os últimos comandos executados no terminal.

arthu@arthu-linux ~ $ history

MTR – Ferramenta gráfica/terminal para teste utilizando o traceroute

arthu@arthu-linux ~ $ mtr google.com

Deixe uma resposta